Posts com a Tag ‘estequiometria exercicios resolvidos’

Material das monitorias de Estequiometria I e II

Fala galera!

O ENEM tá chegando! Vamos treinar Estequiometria? Super básico, cai em todas as provas, todo mundo tem que saber bem!

Vocês podem conferir o material das nossas duas (até agora) monitorias de Química sobre Estequiometria bem aqui:

Estequiometria I

Esequiometria II

E ah, já estão com gabarito!

Aproveitem :D

Calculo estequiometrico 5. Excesso e Limitante!!

Olá, Blogueiros do desconversa,  chegamos a nosso ultimo post sobre estequiometria!

O ultimo caso especial:  Excesso e Limitante!

Nesse caso são dados quantidade de dois reagentes!

Vamos precisar descobrir quem é o Reagente Limitante, aquele que cai  limitar a reação  e o Reagente em Excesso, aquele que vai sobrar após acabar a  reação.

Vamos ver um exemplo!!!

Exercício comentado.

1) 400g de NaOH são adicionados a 504g de HNO3. Calcule a massa NaNO3 obtida e a massa do reagente em excesso. (Dados: Massa molar HNO3; 63g/mol; Massa molar NaNO3: 85g/mol)

NaOH + HNO3 ————–> NaNO3 + H2O

>>Em primeiro lugar precisamos descobrir quem é o reagente que está  Limitando nossa reação, e o reagente que está em excesso.  Vamos escolher o NaOH para os calculos.

Dado                Pergunta

400 g NaOH ——–  x g HNO3

40 g NaOH ———   63 g HNO3           x= 630g HNO3

Acabamos de descobrir que se reagissemos 400g de NaOH precisariamos de 630 g de HNO3, porém não temos 630 g de HNO3.  Logo faltaria HNO3 se reagissemos tudo que temos de NaOH. Então concluimos que o NaOH é o reagente em excesso.

>>  Calculando a quantidade de excesso.

Dado              Pergunta

504g HNO3 —– y g NaOH

63g HNO3 —— 40g NaOH                   y= 320g NaOH

Excesso NaOH: 400 – 320g = 80 g

Realizando os calculos para o HNO3 descobrimos que se reagissemos as 504g de HNO3 iriamos precisar de 320g de NaOH, sobrando 80 g de NaOH. Concluindo assim que nosso reagente limitante é o HNO3.

>> Calculo da Massa do Produto

Devemos utilizar SEMPRE o reagente Limitante para calcular o produto.

Dado                     Pergunta

504g HNO3 ——-  z g NaNO3

63 g HNO3 ———  85 g NaNO3             z= 680g NaNO3

Então Blogueiros oque acharam das dicas sobre estequiometria?  Caso exista alguma duvida fiquem avontade para me mandar um e-mail ou comentem no post aonde surgiu a duvida que acabaremos com esse problema!

e-mail: bruna@descomplica.com.br

Vamos começar a publicar listas de exercicios com gabarito para vocês se divertirem resolvendo questões de  Química!! Fiquem Atentos!!!!

No próximo post vamos começar a revisar as Funções Orgânicas e seus Grupos funcionais!

Ate Breve Pessoal!


Estequiometria 4

2º Caso especial : Excesso e Limitante

Quando são dadas as quantidades dos dois reagentes.

Exercício Comentado.

O Cloreto de Alumínio é um reagente muito utilizado em processo industriais que pode ser obtido por meio da reação entre Alumínio metálico e cloro gasoso.

2Al + 3 Cl2 —-à 2AlCl3

Se 2,70g de alumínio são misturados a 4,0g de cloro a massa produzida, em gramas, de cloreto de alumínio é: (Dado: Massas Molares Al:27; Cl: 35,5)

Descobrindo o reagente Limitante e o em Excesso.

2Al + 3 Cl2 —-à 2AlCl3

2 mol de Al —— 3 mol de Cl2

1º regra de 3

Quero descobrir quantas gramas de Cl2 preciso para reagir com 2,70 gramas de Al.

Dado ——- Pergunta

2,70 g Al —— x g Cl2

2(27g) Al——-  3 (71g) Cl2 x= 10,65g de Cl2

Como no problema não tenho 10,65 g de Cl2 , faltaria Cl2 se eu reagisse tudo de Al. Então o Al está em excesso. Como o Al é o reagente em excesso o Cl2 será o Limitante da minha reação.

Calculando o excesso de AL

Para calcular o excesso de alumínio vou precisar descobrir quanto de Al preciso para reagir tudo ( Massa dada de Cl2) de Cl2.

Dado ——— Pergunta

4,0 g Cl2 ——  x g Al

3(71g) Cl2 —— 2(27g) Al       x= 1.01g de Al

Excesso de Al 2,70 -1,01g = 1,69g de Al

Calculando a quantidade de produto

Para o calculo do produto devo sempre usar o reagente Limitante.

Dado ————–Pergunta

4,0 g Cl2 —– x g AlCl3

3 (71g) Cl2 —— 2 (133,5g ) AlCl3 x= 13,35g AlCl3

Agora é a vez de vocês!!!!

1)     Nas industrias petroquímica, enxofre pode ser obtido pela reação

2 H2S + SO2——à 3 S + H2O

Qual é a quantidade máxima de enxofre em gramas que pode ser obtida partindo-se de  5.0 mol de H2S e 2,0 mol de SO2 ?

Dado ( Massa Atômica:  S=32  H=1 O=16)

Por hoje é só Blogueiros. No próximo post  vou resolver o ultimo caso especial: Rendimento.

Ate Breve!!

Cálculo Estequiométrico 3 – Exercício

Estequiometria Parte 2)

1º caso especial Quando os reagentes são substâncias impuras.

IMPORTANTE!!!  SÓ REAGE PARTE PURA DA AMOSTRA.

O cobre é um metal encontrado na natureza em diferentes minerais. Sua obtenção pode ocorrer pela reação da calcosita (Cu2S) com a cuprita (Cu2O) representada a seguir:

Cu2S(s) + 2 Cu2O(s) —–à  6 Cu(s) + SO2(g)

Numa reação a massa de cobre obtida a partir de 200g de calcosita com 20,5% de impureza e cuprita suficiente é:

1º Passo Cu2S(s) + 2 Cu2O(s) —–à  6 Cu(s) + SO2(g)

DEVEMOS CALCULAR A MASSA PURA DO REAGENTE ANTES DE SEGUIRMOS O 2º PASSO.

100% – 20,5 % = 79,5 % de pureza

Dado                Pergunta

79,5 %   ———   X g Cu2S

100%  ———- 200g Cu2S              X= 159 g Cu2S

Temos 200g de Calcosita (Cu2S),. Só reagiu a parte pura que contem 159g de Cu2S. Então os cálculos do problema vão ser feitos com 159g Cu2S

2º Passo                         Dado                  Pergunta

159 g Cu2S ——–  Yg Cu(s)

3º Passo

1 mol Cu2S ——-  6 mol de Cu

159 g Cu2S  —— 6 (63,5)

Massa Molar de Cu2S= 2(63,5) + ( 32) = 159

Massa Atómica Cu= 63,5

4º Passo.

Massa em gramas. Unidade já está correta

5º Passo

Dado                  Pergunta

159 g Cu2S ——–  Yg Cu

159 g Cu2S  —— 6 (63,5)      Y=  381g Cu.

Agora é a sua vez!!!!

1)      Uma amostra de 100Kg de ZnS, cuja pureza é de 95,5% é submetida à oxidação e posteriormente redução para obtenção do metal livre. A reação global do processo pode ser representada pela equação

2 ZnS + 3 O2 + C —-à  2 Zn + 2 SO3 + CO2

A massa do metal obtido será de ¿  Dados( Zn: 63,5 e S: 32)

Gabarito: 32 Kg de Zn